CLASSE DE PALAVRA: O PRONOME (2)

Oi, gente!Laughing

Vamos continuar com a aula sobre pronomes, terminando a classificação deles: relativos e demonstrativos.

Seeeeeegue!


PRONOME RELATIVO

Os pronomes relativos são importantes elementos conectores, auxiliando no processo de coesão referencial, por unirem orações, formando períodos compostos (trazendo maior fluidez ao texto) bem como evitando a repetição de termos (justamente por se referir a um dos termos, substituindo-o)

Os pronomes relativos são:

  • QUE – É um pronome “coringa”. Pode ser usado em várias circunstâncias, com diferentes referentes.

Esse foi o rapaz que conheci.

Desconheço a situação que me contara.

 

  • QUAL – Também é mais neutro, adequando-se a diferentes circunstâncias.

A reunião sobre a qual conversamos será amanhã.

 

  • QUEM – É utilizado no caso específico de referir-se a pessoas.

Aquela menina a quem você se referiu é a minha irmã.

 

  • ONDE – Usa-se também em casos específicos. Somente para substituir lugares.

É preciso pensar no lugar onde será a festa.

 

  • QUANTO – Usado, principalmente, depois  de “tudo” “todos”:

Foi tudo quanto era gente saindo daquele lugar!

 

  • CUJO(S)/A (S) – Usa-se para relacionar os termos, com sentido de posse. Veja:

A cadeira cujo encosto é de espuma foi reformada. (encosto da cadeira)

 

Obs:

I. Esse pronome já possui a desinência de gênero (o/a) e de número em sua estrutura, não precisando ser seguido de artigo, pois.

A prova cuja as questões foram anuladas era de Física.  

Sendo: A prova cujas questões foram anuladas era de Física.

 

II. É preciso estar atento à regência do verbo presente na segunda oração. É preciso ver se precisa de preposição e de qual tipo precisa. Wink

 

Função do pronome relativo_____________________________

É importante saber que muitas questões se baseiam na função desempenhada pelo pronome relativo quando estão iniciando uma oração subordinada adjetiva. É bem tranquilo descobrir. Acompanhe: 

  1. veja qual é o termo referido pelo pronome;
  2. realize a substituição, organizando a oração na ordem direta (SVC);
  3. faça a análise sintática dos termos;
  4. a função desempenhada pelo termo referido é a mesma do pronome.

Assim:

As duas mulheres [de quem você falou] são as novas professoras.

você + falou + das duas mulheres]

SUJEITO + VTI + Objeto Indireto , logo: mulheres  é núcleo do OI, “quem” é Objeto Indireto.

 

PRONOMES DEMONSTRATIVOS

São aqueles que indicam a posição de algo em relação às pessoas do discurso (1ª, 2ª, 3ª pessoas), situando-as no tempo e/ou no espaço e/ou no texto.

1ª pessoa – Este(s) / Esta(s) / Isto

2ª. Pessoa – Esse(s) / Essa(s) / Isso

3ª Pessoa – Aquele(s) / Aquela(s) / Aquilo

Repare que “isto”, isso” e “aquilo” são invariáveis.

Os demonstrativos podem sofrer a CONTRAÇÃO – junção das preposições: em / de / a com os pronomes.

- deste / desta / disto; neste / nesta / nisto;

- desse / dessa / disso; nesse / nessa / nisso;

- daquele / daquela / daquilo; naquele / naquela / naquilo; àquele / àquela / àquilo.

 

Uso dos Pronomes (tempo / lugar / texto)

1. Dêitico, com objetivo localizar o fato no espaço - este (correspondente a “aqui”, próximo do emissor), esse (correspondente a “aí”, próximo ao receptor) e aquele (correspondente a “lá”, longe de ambos);

Dizia que não era adequado estar num lugar como aquele.

Guarde tudo nesta bolsa.

2. Dêitico, com a intenção de localizar o fato no tempo - este (para se referir ao tempo presente), esse (para se referir a um passado próximo) e aquele (para se referir a um passado longínquo, distante);

1888. Foi naquele ano que o Brasil desatou os nós da escravidão.

 

3. Com o uso referencial anafórico(relacionado ao que já foi dito) ou catafórico (o que será dito) – esse / a, isso (foi dito), este/a, isto (será dito);

Verdade. Só fazia questão disso.

Só fazia questão disto: verdade.

 

4. Em relação ao texto, também há o uso dos pronomes realizando a referência a dois termos  citados:

aquele/a(s) – para quem é citado 1o; este/a(s) – para quem é citado por último.

Fluminense e Cruzeiro disputam o primeiro lugar do campeonato. Este é de Minas Gerais; aquele, do Rio de Janeiro.

 

5. As palavras “o”, “a”, “os”, “as” são demonstrativos quando equivalem a: aquele/a(s), isto;

Não era o que pensavam. (“aquilo que”)

 

6. Os demonstrativos podem ter um valor intensificador, destacando um dos elementos da frase:

Hoje ela está daquele jeito!

 

Os demonstrativos “nisso” também podem possuir valor temporal, quando iniciando um assunto:

Todos falavam ao mesmo tempo. Nisso, chega o pai e acaba com a confusão.

(“naquele instante”)

 

A palavra “tal” possui valor demonstrativo quando anteposto ao termo referente e equivalente às palavras: "aquele", "idêntico"

O pai brigou com todos; tal bronca acalmou os ânimos.

  

VAMOS ESTUDAR? FAÇA OS DOIS EXERCÍCIOS ABAIXO:

1. Veja os quadrinhos a seguir:

I.

 

II.

 

Sobre os quadrinhos pode-se dizer que:

a)      Jon, dono do Garfield, na tirinha I, usa “isso” porque está próximo ao objeto referido;

b)      Garfield, o gato da tirinha I, usa o pronome “dessas” com referência dêitica de lugar;

c)       Na tirinha II, no 1º e no 2º quadrinhos, o uso do “aquela” mostra a proximidade das estrelas para quem o personagem aponta;

d)      O uso do “essa”, no último quadrinho da tirinha II, deveria ser substituído por “esta” por se tratar de uma verruga no dedo do emissor.

e)      No 3º quadrinho da tirinha I, Jon, dono do gato, deveria ter usado “aquilo”, por estar longe dele.

 

 2. Veja a charge a seguir:

“Tem um porco aqui QUE pegou uma ‘gripe humana’.”

O pronome relativo em destaque possui o valor sintático de:

a)      Sujeito

b)      Objeto direto

c)       Objeto indireto

d)      Adjunto adnominal

e)      Predicativo do Sujeito

 

GABARITO___________________________________________________________

  1. [D].
  2. [A], substituindo, temos: o porco pegou uma gripe humana.

 

 

Smile Por aqui encerramos o estudo de pronomes!

Smile Para reforçar o seu uso na construção dos textos, veja a aula de redação. Com mais explicações da professora Priscila Gomes e exercício para você treinar!

 

Até a próxima, queridos!

Michelle Nunes Wink



@ copyright ( Sou + ENEM ) 2018. Todos os Direitos reservados.

Logo Webteria