FUNÇÕES DA LINGUAGEM

Fala, galerinha!

Como já estudamos, a comunicação faz parte de nosso dia a dia. Estamos, o tempo todo, enviando e recebendo informações de variadas formas e com diferentes intenções. Nesse contexto, dependendo do objetivo de quem nos envia uma mensagem, podemos observar o predomínio de determinada função da linguagem.

Antes de analisarmos cada uma delas, é fundamental saber que as funções coexistem. Dessa forma, é muito comum, percebermos o predomínio de mais de uma em um determinado enunciado.

 AS FUNÇÕES

1) EMOTIVA OU EXPRESSIVA

  • As emoções e os sentimentos do emissor se evidenciam
  • Subjetividade
  • Presença de marcas gramaticais, como:

  - Uso de verbos e de pronomes em primeira pessoa;

  - Interjeições;

  - Pontos de exclamação e reticências;

  - Adjetivação intensa.

A tirinha abaixo demonstra claramente a emotividade na linguagem. O personagem Charlie Brown reflete seu “sofrimento” diante do dia dos namorados. Notem que a primeira pessoa e as exclamações ratificam a expressividade linguística:

 

2) APELATIVA OU CONATIVA

  • Apela para a atenção do receptor da mensagem, chamando sua atenção.
  • Marcas de interlocução:

  - Vocativo

  - Verbos no modo imperativo

  - Pronomes e verbos em segunda e terceira pessoa

Como exemplo, temos um clássico da propaganda da famosa marca “Coca-cola”. Nele, o apelo na linguagem se dá basicamente pelo verbo no imperativo – “Beba”:

 

       

3) POÉTICA

  • Cuidado na elaboração da mensagem
  • Preocupação formal
  • Exploração de recursos, como a métrica, a rima, a sonoridade, a conotação, as figuras de linguagem.
  • “Jogo de palavras”.

Notem os diversos recursos dessa função presentes na poesia concreta a seguir:

       (Décio Pignatari)

 

4) FÁTICA

  • Preocupação em manter contato com o receptor, testando o canal comunicativo.
  • É o primeiro contato com o destinatário – “Abre” o canal.

A seguir, temos o link de uma adaptação de um conto de Luís Fernando Veríssimo denominado “Grande Edgar”. Nele, a função fática se evidencia pela “eterna tentativa” de se iniciar uma conversa entre duas pessoas:

 

5) REFERENCIAL OU DENOTATIVA

  • Centrada na transmissão da informação, ou seja, no contexto em si.
  • Tem por objetivo mostrar a realidade de maneira objetiva e direta, o que ratifica o predomínio da denotação (sentido real).
  • Objetividade

Essa função é muito comum em textos científicos, jornalísticos, nos quais o caráter informativo é o que predomina. Observe o exemplo a seguir: 

Transtorno do comer compulsivo

O transtorno do comer compulsivo vem sendo reconhecido, nos últimos anos, como uma síndrome caracterizada por episódios de ingestão exagerada e compulsiva de alimentos, porém, diferentemente da bulimia nervosa, essas pessoas não tentam evitar ganho de peso com os métodos compensatórios. Os episódios vêm acompanhados de uma sensação de falta de controle sobre o ato de comer, sentimentos de culpa e de vergonha. (...)

Disponível em: http://www.abcdasaude.com.br. Acesso em: 1 maio 2009 (adaptado).

 6) METALINGUÍSTICA

  • Há metalinguagem quando a linguagem “fala” sobre si mesma.
  • O código explica o próprio código.

O link abaixo é de um comercial de carro da marca FIAT. Um comercial que “fala de si mesmo” - um típico exemplo de metalinguagem:

 

CAIU NO ENEM

A biosfera, que reúne todos os ambientes onde se desenvolvem os seres vivos, se divide em unidades menores chamadas ecossistemas, que podem ser uma floresta, um deserto e até um lago. Um ecossistema tem múltiplos mecanismos que regulam o número de organismos dentro dele, controlando sua reprodução, crescimento e migrações.

DUARTE, M.O guia dos curiosos. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

 

(ENEM 2010) Predomina no texto a função da linguagem:

a) emotiva, porque o autor expressa seu sentimento em relação à ecologia.

b) fática, porque o texto testa o funcionamento do canal de comunicação.

c) poética, porque o texto chama a atenção para os recursos de linguagem.

d) conativa, porque o texto procura orientar comportamentos do leitor.

e) referencial, porque o texto trata de noções e informações conceituais.

 

Comentário: como podemos ver, o texto tem por propósito passar informações sobre a biosfera e seus ecossistemas de forma direta e objetiva. Dessa forma, a função da linguagem predominante é a referencial – alternativa “E”.

 

Para finalizar a aula de hoje, deixo aqui um pequeno recadinho no formato de exercício:

Espero, do fundo do meu coração, que todos vocês tenham entendido. "E NEM" adianta dizer que essa matéria é complicada. Funções da linguagem é um assunto simples, bastante comum nos últimos exames. Fala sério...um post como este facilita e muito a sua vida! Entenderam?

Conseguem encontrar as seis funções da linguagem no trecho acima? Testem seus conhecimentos! Comentem!Laughing

 

Assuntos



@ copyright ( Sou + ENEM ) 2014. Todos os Direitos reservados.

Logo Webteria