Sistema Cardiovascular

Monstrinhos tudo bem? Vamos agora começar as nossas aulas de cardiovascular dando ênfase inicialmente ao sistema de vasos, a próxima aula terá enfoque no coração.

Função:

Distribuição de nutrientes, gases, excretas, hormônios e células pelos tecidos corporais.

Realização de trocas dos mesmos.

Composição do sistema circulatório:

Coração: É a bomba propulsora do sangue, pode ter sua frequência e força de contração alterada, se adaptando ao nosso metabolismo.

Vasos: são os ductos pelos quais o sangue passa, se dividindo em 3 tipos principais.

a

Figura I - visão geral do sistema cardiovascular.

Divisões da circulação:

Possuímos dois circuitos circulatórios, em um deles o sangue sai do coração e se desloca para os pulmões, voltando posteriormente para o coração, esse circuito é chamado de pequena circulação ou circulação pulmonar. O maior deles consiste na distribuição do sangue que sai do coração para os outros órgãos e tecidos corporais, sendo chamado de circulação sistêmica ou grande circulação.

Monstrinhos, para que o sangue possa fluir pela circulação sistêmica é necessário maior velocidade e maior pressão. Essa força é dada pelo ventrículo esquerdo, veremos com maiores detalhes na próxima aula.

Classificações:

Devido ao fato do sangue passar duas vezes pelo coração para completar os dois circuitos, a nossa circulação é classificada como dupla. O nosso coração é composto de quatro cavidades e não permite a mistura de sangue venoso com arterial, por conta disso, podemos classificar a nossa circulação como completa.

a

Figura II - Esquema mostrando a circulação sistêmica e pulmonar.

Artérias:

Vasos que retiram o sangue do coração. Possuem três camadas de tecidos em sua composição, a camada mais externa é chamada de serosa ou túnica adventícia e é formada por tecido conjuntivo rico em colágeno. A camada intermediária é chamada de túnica média e possui músculo liso espesso, a camada interna é chamada de endotélio ou túnica íntima, composta por um epitélio simples com células achatadas.

a

Figura III - ilustração demonstrando as camadas da artéria.

Devido ao fato de possuir musculatura lisa espessa, as artérias têm grande capacidade contrátil, podendo reduzir ou aumentar seu diâmetro.

Veias:

São vasos que deslocam o sangue de volta para o coração, possuem a mesma composição histológica das artérias, variando a espessura de algumas camadas. A camada de músculo liso é mais fina, dando menor capacidade contrátil, em contrapartida a túnica adventícia é bem mais espessa, proporcionando maior elasticidade.

As veias possuem válvulas no seu interior, cuja função é evitar o refluxo de sangue no sentido contrário ao coração, esse fluxo é facilitado com a contração da musculatura adjacente às veias.

a

Figura IV - fluxo sanguíneo em uma veia, proporcionado pela contração dos músculos ao seu redor.

Capilares:

São os vasos mais finos, compostos apenas por epitélio simples pavimentoso, contendo uma camada única de células responsável pela realização de trocas de substâncias do nosso corpo.

a

Figura V - esquema de um capilar.

Como o assunto poderia ser cobrado no ENEM?

É aconselhável que indivíduos que façam uma viagem longa de carro ou avião se levantem e caminhem em um intervalo de 4 horas, isso é importante para estimular a circulação e evitar problemas circulatórios. Assinale a opção abaixo que indica corretamente o motivo da recomendação e o principal problema que poderia ser gerado caso o indivíduo não faça como recomendado.

a) Ao se levantar e caminhar o indivíduo estará estimulando a circulação das artérias, fazendo o sangue circular melhor para os membros inferiores, evitando assim uma inflamação nas pernas.

b) Ao caminhar estimulamos a contração do músculo liso das veias, consequentemente a circulação é estimulada, evitando assim a formação de coágulos chamados também de trombos.

c) Se a recomendação for seguida o indivíduo estará estimulando a circulação venosa por meio da contração dos músculos esqueléticos da perna, evitando assim o bloqueio sanguíneo por meio de coágulos que podem se formar caso a pessoa fique muito tempo sem andar.

d) Ao caminhar o indivíduo estimula a circulação venosa levando mais sangue para as pernas, evitando assim que as células fiquem sem oxigênio, o que pode gerar necrose tecidual.

e) A recomendação é feita para estimular o circuito de sangue pelos capilares, facilitando assim a distribuição de oxigênio pelos tecidos, evitando que as células entrem em processo de morte o que pode ocasionar futura amputação.

Gabarito: Letra C

 



@ copyright ( Sou + ENEM ) 2017. Todos os Direitos reservados.

Logo Webteria